domingo, 28 de novembro de 2010

Quem serve a quem?

Eu tenho lido coisas muito estranhas ultimamente.
As polêmicas costumam se embasar em tanta inversão de valores que chega a me assustar.

Vejam, pessoas que poderiam formar opiniões e, na verdade acabam formando mesmo, comprando brigas contra seus grupos, por algo ou alguém que deveria comprar nossa briga.


Pensei nisto bastante, pois não entendo como as pessoas tratam aqueles que definitivamente ou temporariamente detêm o poder, ou que são símbolos de um pequeno status, como verdadeiros Salvadores da vida e da sociedade.


Este ufanismo sem controle, este momento carência da sociedade, acontece quando a população deixa de adquirir conhecimentos e se entrega a sobrevivência primária de sua subsistência.


Uns entregam-se a religião passiva que espera em representantes de Deus, a solução para seus problemas inerentes a condição de viver.


Já outros, entregam-se aos políticos como se fossem seus condutores em um curral. Esquecem que a vida é conduzida pela própria pessoa que escolherá aqueles que NOS SERVIRÃO.


Chegamos assim, a pergunta inicial: "Quem serve a quem?"


Eu não sirvo aos políticos, eles são eleitos para nos servir. Isto é fato, e é a regra que deveria estar em vigor.


Mas, ao longo dos anos, isto tudo se transformou. Com a prática das vantagens pessoais sendo oferecidas pelos políticos, ou os interesses pessoais sendo trocados pela sociedade aos políticos, levaram a este tipo de relacionamento.


Inverteu-se tudo!


Eu não consigo ser grata a políticos! Eu os respeito e, admiro as pessoas que são, mas jamais me sentirei grata a nenhum deles por ter feito um trabalho correto ou decente.


Por onde andará o conceito político verdadeiro? Por onde andará a formação da cidadania.


Sabe, eu sou grata a pessoas que me fazem algum favor, mas jamais serei grata a meu empregador por exemplo, ou por alguém que execute suas funções corretamente.


Poderei sim, repudiar o mau político ou o mau empregador! Poderei lutar para que tais pessoas não prejudiquem a sociedade, sem extrapolar ou denegrir com inverdades as pessoas.

Porém, preciso para isto de conhecimento e informações para que forme minha opinião.

O mesmo acontece no sentido contrário! Farei minha parte apresentando o político aos meus iguais, tentarei dar meu apoio participando da batalha social, fazendo parte das decisões que nos dizem respeito, argumentando e combatendo as injustiças que todos nós, inclusive os eleitos, por vezes são vítimas.


Aí, eu que gosto de partilhar meus pensamentos, gostaria de "vender" meu peixe e refletir com vocês sobre isto.


Estou errada?


10 comentários:

  1. Só se vc não for uma boa vendora ou estiver vendendo filét de merluza como bacalhau!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Então.. realmente não sou boa vendedora, se assim o fosse, não estaria a tanto tempo nesta batalha e já teria até conseguido modificar alguma coisa.

    E como meu peixe não pode nunca ser confundido, já que é legítimo e tem selo de qualidade.

    O meu peixe foi criado em mares da excelente formação escolar, da boa educação e da boa experiência profissional.

    Este peixe também foi alimentado por mãos trabalhadoras e corajosas.

    E o melhor disto, este peixe se tornou obstinado.

    É que só vendo minhas ideias.

    ResponderExcluir
  3. Errada? Você está certíssima! Quem nos dera, ter muitos vendedores de peixes como você! Também não consigo enteder como o povo mangaratibense, e o povo no geral se deixa levar por políticos! Pensam que dependem deles para sobreviver! A POLÍTICA TEM ALEIJADO O povo de tal forma, que as pessoas acham que para caminhar dependem nessesariamente dos "favores" de políticos corruptos, se esquecendo dessa forma, que eles estão lá para nos servir, e não ao inverso!
    Essa situação política de mangaratiba e de boa parte do Brasil me deixa inquieta, pois até quando o povo vai continuar acreditando em mentiraS, construindo castelos de areia com palavras de políticos que logo ao assumirem o poder, jogam uma onda que destrói não só o castelo, mas junto com ele a dignidade daqueles que construiram!

    Professora cansada!

    ResponderExcluir
  4. Ufa!

    E você lembrou muito bem que a situação política em boa parte do Brasil é preocupante, com este tipo de "relacionamento" entre população e seus políticos.

    Aí, eu penso que não seria mais fácil começar a construir algo mais sólido na política, começando pelos pequenos municípios?

    Mesmo que aleguem que os pequenos é que mais dependem da prefeitura?

    Eu sempre penso que é mais fácil, já que hoje em dia, a população destes municípios recebe a influência de pessoas que migraram e podem acrescentar outros conceitos para os "enraizados" locais.

    Tanto trazem conceitos errados, como bons e novos conceitos culturais. É uma questão de sabermos discernir e aproveitar tudo isto, separando e descartando as mazelas e nos organizando como sociedade para absorver e formar uma nova cidadania.

    E não existe em nenhuma classe profissional, pessoas mais aptas a isto, do que os professores.

    ResponderExcluir
  5. COMO SE NÃO BASTASSEM OS PROBLEMAS QUE A MINHA LINDA MANGARATIBA TEM, QUE NÃO SÃO POUCOS, AINDA MAIS NESSA ÉPOCA DE TROCA TROCA DE POLÍTICOS, AS PESSOAS SE DÃO AO LUXO DE PERDER SEU PRECIOSO TEMPO USANDO BLOGS COMO O SEU LEILA E O DO LACERDA PARA ESCREVER BAIXARIAS. HÁ UNS DIAS ATRÁS ENTREI NO BLOG DO LACERDA E UMA PESSOA MUITO REVOLTADA FALOU MAL DE FULANA E CICLANA, XINGOU PALAVRÕES, FIQUEI HORRORIZADA E NÃO QUERIA ACREDITAR NO QUE ESTAVA LENDO. ASSIM COMO, A DE QUE SUPOSTOS "POLÍTICOS" SÃO OU JÁ FORAM "CORNOS". GENTE MAL AMADA, OU MAL INTENCIONADA VAI LAVAR UMA LOUÇA, VAI? A NOSSA MANGARATIBA TEM MUITO O QUE RESOLVER COM MANIFESTAÇÕES E CRÍTICAS DE CARÁTER SOCIAL, POLÍTICO E ECONÔMICO. E TEM MAIS, SE ELE É CORNO É PORQUE ELE GOSSSSSSTCHA. ABRAÇOS LEILA E FIQUE COM DEUS!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. anônimo, discordo de vc. pois a acho(se é que estamos falando da mesma pessoa) uma loira muito da sem sal, ela não está com essa bola toda. apesar de andar no "salto", um dia essa pompa dela cai. E quanto maior ela subir, maior será o tombo.Ela que se cuide!!!!!

    ResponderExcluir
  7. rsrsrsrs . Nessa vida tem de tudo, principalmente os sem noção!

    ResponderExcluir
  8. Fiquei sabendo por colegas que no COLÉGIO MUNICIPAL NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS, A DIRETORA DIRCE, perguntou aos professores no horário de recreio dos alunos, no dia 29/11 se os professores gostariam de receber o salário em folha suplementar ou no pagamento de dezembro, mas não assinamos nada! "fOI DE BOCA". O PIOR É QUE PARECE QUE OS PROFESSORES BANANAS ACEITARM! ESTOU ACHANDO QUE É MAIS UM GOLPE DO GOVERNO! COMO É QUE É PREFEITO VAI PAGAR OU NÃO!!! ESPERAREMOS ATÉ O DIA 21/12 QUANDO SAIRÁ O PAGAMENTO DE DEZEMBRO, CASO CONTRÁRIO, LEVAREMOS O CASO AS MÍDIAS.
    OBS.: FIQUEI SURPRESO EM SABER QUE A SENHORA MARIA ANTÔNIA NÃO É PROFESSORA, POIS ELA DIZ SER...
    PEÇO AO NOVO PREFEITO (NA ELEIÇÃO DE 2011) QUE COLOQUE PESSOAS COMPETENTES NESTES CARGOS QUE DEVERIAM SER SÉRIOS COM PESSOAS SÉRIAS.

    Falando de direção...tem algumas diretoras que humilham seus funcionários, devolvem (colocam à disposição) à secretaria de educação como se fossem lixos! Quero avisar a essas diretoras que existem leis!!! E que os funcionários não estão mais com medo de vocês, coronéis do SERTÃO! FORA DIRETORES AUTORITÁRIOS QUE NÃO TEM COMPETÊNCIA NENHUMA! ESTÃO NESTES CARGOS PORQUE LAMBERAM ALGUM PÉ DE POLÍTICO CORRUPTO!!!

    ResponderExcluir
  9. Enquanto isso!!!!!!!!!!!!!!na Prefeitura!!!!! Tá um cheiro de chifre queimado, tá queimando, pode ser que eu esteja enganado, tem alguém chifre queimando...O malandro endoidou...rsrsrsrsrs Calma!!! é apenas uma música!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Comente com responsabilidade e participe com sinceridade!